As delicias aqui da roça confira !

As delicias aqui da roça confira !

CONFIRA AQUI FOTOS LINDAS DA ROÇA

CONFIRA AQUI FOTOS LINDAS DA ROÇA

AQUI NA ROÇA A VIDA È MUITO BOA CONFIRA !

MOMENTOS LINDOS AQUI NA ROÇA ! CONFIRA

MOMENTOS LINDOS AQUI NA ROÇA ! CONFIRA ?

COMO SE CURAR DE TOSSE PERSISTENTE EM MENOS DE 5 DIAS APENAS COM 1 FOLHA DE REPOLHO E MEL –

COMO SE CURAR DE TOSSE PERSISTENTE EM MENOS DE 5 DIAS APENAS COM 1 FOLHA DE REPOLHO E MEL

Algumas tosses são muito persistentes, difíceis de ser eliminadas.

Muitos de nós já tivemos esse tipo de tosse.

E é por isso que você agora vai aprender um dos melhores remédios da mecina popular para tratar tosse, mesmo que ela seja “chata” e não queira ir embora.

Este remédio pode ser feito por qualquer pessoa, criança ou adulto.

Coloque o lado do mel sobre o peito do doente.

Coloque sacos de plástico por cima da folha e, depois, cubra com um lenço ou uma toalha.

Faça o procedimento antes de deitar.

Se a tosse é forte, você vai precisar de duas folhas de repolho – uma será colocada no peito e a outra nas costas.

Remova na parte da manhã.

Limpe a pele com um pano úmido ou lave com água o local onde a folha ficou.

Se a tosse for em criança infância, o resultado será visível já após o primeiro procedimento.

O tratamento é realizado de cinco a sete noites.

E rapidamente não haverá nenhum vestígio de tosse.

Os ingredientes ativos do mel e do repolho, e também o calor, contribuem para a redução da tosse e o desaparecimento do processo inflamatório.

Este tratamento com repolho é verdadeiramente mágico.

Mesmo sem mel, ele vai agir.

Mas o ideal, para deixar a receita com o máximo de sua potência, é fazer com mel.

E o bom é que não há nenhuma contraindicacação, podendo ser feita por todas as pessoas de todas as idades.

Faça e comprove.

E repasse/compartilhe esta informação importante com sua família e amigos.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

 

 

 

fonte:http://www.curapelanatureza.com.br

 

Saiba para que serve a fruta noni-A fruta da saúde e longevidade.

A fruta noni possui muitas vitaminas e sais minerais e se tornou famosa no Brasil pelo poder emagrecedor

Sabe aquelas frutas que provocam curiosidade nas pessoas? A noni é uma delas. Antes de começar a detalhar mais sobre ela, é bom que você saiba que ela possui muitas propriedades para a saúde humana.

Originária do sudeste asiático, a Morinda Citrifolia, fruta conhecida como noni, já faz parte do cardápio de países como Polinésia, Taiti, Malásia e China. Mas, devido a popularização das suas propriedades, a noni já se espalhou por outros países.

A fruta noni é encontrada com facilidade no mercado na forma de suco. Por sinal, este produto vem se popularizando cada vez mais, justamente pelo que ele pode proporcionar ao organismo.

Propriedades da fruta noni

A fruta noni é rica em vitaminas dos complexos A, B, C e E, além do mais ela possui sais minerais como cálcio, magnésio, potássio, ferro e fósforo. Ela também possui polifenóis, carboidratos, proteínas, ômega 6 e óxido nítrico.

Direcionando todas essas substâncias para a saúde, a fruta noni combate o envelhecimento e o aparecimento de doenças crônicas, tais como a diabetes, artrite, artrose, reumatismo e hipertensão.

O nome científico dessa fruta é Morinda Citrifolia e ela é originária do sudeste asiático (Foto: depositphotos)

Ela também ajuda no tratamento de cólicas, convulsões, tosse, estimula o fluxo menstrual, febre e prisão de ventre. A fruta também faz bem para as articulações, constipação, catarata, úlcera gástrica, distúrbios renais e inchaço.

Devido à presença do ômega 6, a fruta também melhora a oxigenação do cérebro e a memória. O suco da fruta também evita doenças cardíacas, úlceras gástricas e problemas de circulação.

O noni também é usado para combater problemas mais sérios de saúde, como destaca o biólogo e especialistas  em plantas do canal Autor da própria saúde,Daniel  Forjaz  “O grande chamariz do noni é o seu potencial anti-cancerígeno”.

A fruta noni também contém escopoletina, substância antibacteriana, antifúngica e anti-inflamatória, que dilata os vasos sanguíneos e baixa a pressão arterial. O ingrediente também pode ser usado para combater inchaço causado por infecção parasitária.

Mais sobre os benefícios da fruta noni

O  médico e cientista Augusto Vinhólis essa é uma fruta que representa muito para a saúde humana. “O noni representa a fruta da saúde e da longevidade. Essa fruta já é conhecida há mais de dois mil anos. Em alguns países ela é conhecida como fruta milagrosa e muito respeitada”, afirma.

Sobre os benefícios do suco noni para a saúde, Vinhólis chama atenção para os nutrientes da fruta. “O noni possui 153 nutraceuticos, que são vitaminas, sais minerais e enzimas que ajudam no bom funcionamento do corpo”. Só para se ter ideia, a cenoura apresenta um nutracéutico.

Nutricionalmente falando, 100g de noni apresenta 2,7 vezes mais vitamina C do que o recomendado para o consumo diário. A fruta também tem o poder demelhorar a função sexual, tanto nos homens quanto nas mulheres.

Para as pessoas que sofrem com insônia, o suco de noni pode ser uma boa alternativa para resolver o problema. “No organismo, o noni aumenta a produção de melatonina, o hormônio que facilita o sono”, conta Forjaz.

 

Cuidado ao consumir a fruta noni

Mesmo se tratando de um produto natural, principalmente sendo uma fruta, que é amplamente recomendado por todos os profissionais de saúde, o consumo da fruta noni requer alguns cuidados.

Algumas pessoas desenvolveram reações não esperadas ao consumi-la. Entre elas, hepatite aguda, que é uma inflamação do fígado. Dependendo da intensidade do problema, um transplante hepático pode se fazer necessário.

Porém, esse é um efeito observado nas pessoas que consomem grandes quantidades da fruta por um período prolongado. De acordo com os especialistas médicos, o paciente pode correr até rico de morte.

 

“Em todos os casos que houve toxidade com o noni, ao suspender o consumo, o organismo volta as suas condições normais, seja com a hepatite ou problemas renais”, enfatiza Daniel Forjaz.

Dessa forma, o mais seguro é recorrer a avaliação de um profissional antes de usar a fruta no processo de tratamento e cura de qualquer doença que seja. Essa atitude vai resguardá-lo ainda mais.

“Se durante o tratamento você sentir algum mal-estar ou algo diferente do normal que esteja relacionado ao consumo do noni, suspensa o seu consumo e verifique se os sintomas passam. Caso passe, é sinal que você apresenta sensibilidade com o noni”, orienta Forjaz.

Devido à alta concentração de potássio, pessoas com problemas renais devem consumir o noni com moderação. “Nesses casos, o noni pode causar uma doença chamada hipercalemia, que é o excesso de potássio na corrente sanguínea”, alerta Forjaz.

Não custa nada lembrar que as mulheres grávidas ou que estão amamentando não devem consumir o noni sem orientação médica. Isso vale também para as crianças menores de idade.

Noni emagrece?

Apesar de muitos relatos de pacientes que comprovam a eficiência do noni quanto ao efeito emagrecedor, nenhum estudo mais aprofundado foi capaz de comprovar esses benefícios.

Há quem diga que esse efeito vem a partir do efeito desintoxicante e diurético que a fruta apresenta. Porém, é importante deixar claro que, só a utilização da fruta não tem a capacidade de fazer com que a pessoa perca peso. A dieta e a prática de atividades físicas regulares deve passar por adequações.

 

Como preparar o suco do noni

A fruta noni é bastante conhecida pelo sabor amargo e marcante. Por esse motivo, uma das formas mais usuais de incluí-la na rotina é através do preparo do suco, por sinal, este é misturado com o suco de uva.

Ingredientes

  • 2 nonis maduros;
  • 1 litro de suco concentrado de uva.

Modo de preparo

O primeiro passo para a preparação do suco de noni é lavar bem as frutas antes de usá-las. Pegue o liquidificador e corte o noni em rodelas. Acrescente 500ml de suco concentrado de uva. Use a função de pulsar do equipamento para evitar que as sementes da fruta se quebrem.

Feito isso, o próximo passo é passar o suco pela peneira. Leve-o novamente ao liquidificador e acrescente o restante do suco concentrado de uva. Bata novamente, dessa vez do modo normal.

A recomendação é de ingerir 100 ml do suco, duas vezes ao dia. Para guardar a bebida, coloque na geladeira. Ela resiste até cinco dias.

fonte-https://www.remedio-caseiro.com/saiba-para-que-serve-a-fruta-noni/

Top 7 alimentos que combatem a pressão arterial elevada naturalmente

Pessoas com problemas de pressão alta dependem de medicamentos que devem ser tomados rigorosamente todo dia.

Em alguns casos, entretanto, mesmo que essas pessoas já estejam medicadas a pressão pode subir devido a fatores externos como o estresse, por exemplo.

Além disso, algumas pessoas não apresentam sintomas de pressão alta o que é muito perigoso, pois podem ter crises de uma hora para outra sem nem mesmo saber.

Por conta disso, além de seguirem corretamente o tratamento passado pelo médico, a alimentação é crucial para quem apresenta quadro de pressão alta recorrente.

Pensando nisso, veja sete alimentos muito necessários para quem tem pressão alta:

1. Cebolas
As cebolas são ricas em vitaminas, minerais e óleos essenciais que ajudam a diminuir a pressão, reduzir o colesterol alto, melhorando a circulação sanguínea. Além disso, são versáteis podendo ser adicionadas a qualquer tipo de prato.

2. Sementes de feno-grego
As sementes de feno-grego são ricas em zinco que ajudam a diminuir a pressão arterial e melhoram a elasticidade das artérias. Ricas em ácidos graxos, minerais e aminoácidos as sementes de feno-grego ajudam muito a quem tem problemas cardíacos.

3. Bananas
Sem dúvidas, a banana é um dos mais famosos alimentos que baixam a pressão, pois é riquíssima em potássio. Além disso, ela dá sensação de bem estar e auxilia no ciclo de sono.

4. Alho
O alho tem a capacidade de afinar o sangue, característica crucial para pessoas que lutam contra a pressão alta. Rico em vitamina B6, vitamina C e manganês, ele é crucial na prevenção de ataques cardíacos e atua impedindo o enrijecimento das paredes das artérias.

5. Batatas
Assim como as bananas, as batatas também são muito ricas em potássio e magnésio. Entretanto, devem ser consumidas cozidas e não fritas, caso contrário perdem seus nutrientes e seus benefícios.

6. Iogurte
Versátil, prático e delicioso, o iogurte é rico em cálcio que atua diretamente no controle da pressão arterial. Além disso, também fornece potássio e magnésio, sendo excelente para pessoas com problemas cardíacos.

7. Sementes de melancia
As sementes de melancia têm várias funções além de ajudar a controlar a pressão. Elas dilatam os vasos sanguíneos ajudando a melhorar a circulação do sangue. Atuam como anti-inflamatórios naturais, especialmente no tratamento de artrite e ajudam a melhorar o metabolismo dos rins.

Infelizmente, nem sempre sabemos como aproveitar os benefícios dessas sementes, por isso veja como prepara-las para consumir ao longo dia:

Triture as sementes de melancia e ferva em água. Deixe em fusão por 90 minutos.

Após esse período, você pode tomar a água com as sementes normalmente.

Você sabia das funções desses alimentos? Se conhecer alguma receita interessante, entre em contato!

Gostou deste vídeo? Se você gostou do vídeo, curta, se inscreva no canal e compartilhe com seus amigos.

Fonte: Top 7 Foods That Fight High Blood Pressure Naturally

via-https://www.natureba.net/top-7-alimentos-que-combatem-a-pressao-arterial-elevada-naturalmente/

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. O Natureba é um espaço informativo, de divulgação e educação com temas relacionados a saúde, nutrição e bem-estar. As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo, não devendo ser utilizado como substituto ao diagnóstico médico ou tratamento sem antes consultar um profissional de saúde – médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. OBS: Remédios naturais também tem efeitos colaterais, já que agem de formas diferentes em cada organismo, por isso antes de usar qualquer tratamento alternativo consulte sempre seu médico.